FAHR 021.3

Explorando novos conceitos de arquitetura efémera, instalação e arte urbana FAHR 021.3 sustenta o seu trabalho na sua formação de arquitetura, fotografia e processos digitais.
Após trabalharem em escritórios internacionais como lwarchitects ou J. Mayer H. em Berlim, Filipa Frois Almeida e Hugo Reis regressam a Portugal para iniciar o projeto FAHR. A sua linguagem experimental, inovadora e atrevida, procura a infração da realidade. Recorrendo a novos conceitos de arquitetura aplicada, a equipa fundamenta as suas intervenções na exploração dos diferentes sentidos do observador.

Rede de Criadores